Publicidade
Terça-feira, 23 de Maio de 2017 | você está em »principal»Blogs»Filhos Brilhantes
Publicado em 13/04/2017 às 15h39
Padrão jobanístico de agrado ao leitor


BENEDITO VELOSO

Esta coluna, há mais de seis anos quinzenalmente abrigada pelo Diário de Jacareí, deve sua existência a um jornalista inspirador: João Baptista Denis Neto, popularmente conhecido como Jobanito. Eu acabava de chegar à cidade, em 1980, quando tive a satisfação de conhecê-lo como redator que ele era deste jornal. Solícito, Jobanito tratou espontaneamente de me deixar a par das características da gente jacareiense de um jeito muito próprio dele: contando histórias incríveis da cidadã e do cidadão que encontramos diariamente pelas ruas, ou seja, dos verdadeiros modeladores do perfil desta ou de qualquer cidade. Pude constatar o quanto Jacareí é rica nesse aspecto.

Mais tarde, quando fui aceito para escrever “Filhos Brilhantes”, já tinha em mente o espírito literário da coluna: revelar características específicas das pessoas em geral. Procurava destacar um fato exclusivo ou um procedimento diferente do entrevistado já que todos têm particularidades que fazem desta cidade o “berço puro de filhos brilhantes”, como o poeta Benedito José Mendes Silva registrou na letra do Hino de Jacareí em abril de 1969.

Primeiro homem de imprensa da cidade a aposentar-se como jornalista, o Filho Brilhante Jobanito escreveu durante cerca de 20 anos a coluna Crônica do Cotidiano, no Diário. Mais tarde ele escreveu para outro jornal uma série de crônicas que tinham como base as ruas de Jacareí, seus moradores e fatos importantes que aconteceram nelas. Estas crônicas resultaram em “Pelas Ruas da Cidade”, o único livro deixado por ele à posteridade.

O João Baptista ‘Jobanito’ morreu em 24 de junho de 1998, dia dedicado ao João Batista, o santo, do qual ele era devoto. Justa coincidência. Um incorrigível contador de histórias não pode simplesmente deixar-nos sem seguir o rito da originalidade que pautou sua vida de literato de bom calibre. Os céus conspiraram para enriquecer o tema.

Jobanito completaria nesta segunda-feira (17) um século de existência. A Academia Jacarehyense de Letras o imortalizou nomeando-o patrono da cadeira nº 18, ocupada atualmente pela escritora e também contadora de histórias Joana Aranha. Nós prosseguiremos com esta coluna procurando ser tanto fieis quanto possível ao padrão ‘jobanítico’ que mais agrade ao leitor.

Publicidade
Compartilhe

Comentários (0)

ATENÇÃO!

Os comentários publicados neste espaço são de responsabilidade de seus autores e não expressam
necessariamente a opinião do Diário de Jacareí


Por favor, faça o login antes de comentar

23 MAI
Publicidade
Notícias

Artigos
Perfil do Blog
Filhos Brilhantes

Assuntos como cerimonial, teatro, literatura, música, pintura terão sempre pessoas da terra como protagonistas, a grande maioria de Jacareí

 


E-mail do autor: bvelosomc@gmail.com
Arquivo
08/04/2017
A Prefeitura voltou a permitir o estacionamento rotativo pago, das 9h às 16h, na rua Barão de Jacareí. Vc concorda com a medida?
06/02/2017
Qual a sua opinião sobre a qualidade do serviços prestados pelo SAAE em Jacareí?
  • 34.1%
  • 31.9%
  • 24.1%
  • 9.9%
Logos e Certificações: