Terça-feira, 22 de Agosto de 2017 | você está em »principal»Notícias»Editorial
Publicado em 22/07/2017 às 11h18
O bolinho caipira na geração de empregos

A Redação / Diário de Jacareí

O último sucesso obtido em Jacareí com a Feira do Bolinho Caipira confirma o acerto da administração municipal em colocar o setor turístico local nas opções de geração de renda. No momento, Jacareí busca obter o selo de MIT (Município de Interesse Turístico). Esse credenciamento vai possibilitar recebimento de verbas federais da ordem de 500 a 800 mil reais por ano para investir no setor.

Tramitação de documentos e providências nesse sentido já foram tomadas e estão em fase de conclusão. Semana passada aconteceu uma audiência pública nas dependências do legislativo, para ouvir da população sugestões que possam enriquecer o plano municipal da área.

Um levantamento do Conselho Municipal de Turismo revela, entre outros dados, a capacidade mínima de ocupação de 2 mil leitos de hotéis, pousadas e similares, por ano, quantidade abaixo da qual nenhuma unidade é capaz de sobreviver.

Além disso, Jacareí pertence a uma sub-região, formada por São José dos Campos, Taubaté Paraibuna, Santa Branca, Redenção da Serra e Tremembé, que possui vários atrativos que já chamam por ano um número razoável de visitantes.

O município é rico em pontos não menos interessantes como o parque da cidade, o viveiro municipal, em momento de revitalização, o Parque dos Eucaliptos, o teatro Ariano Suassuna, este considerado espontaneamente por artistas visitantes a melhor sala de teatro do interior paulista, e o museu de antropologia que, ainda nesta gestão, deverá ocupar o lugar que merece no cenário turístico nacional.

De todas essas credenciais, uma deve ser considerada com atenção por todos nós nesta fase difícil que o país atravessa: o brasil está em primeiro no mundo em recursos naturais exploráveis para turismo e já emprega 3 milhões e 200 mil pessoas na área. O país possui ainda a uma das maiores ofertas do turismo interno, ou seja, o turista alimenta o setor sem deixar o território nacional.

Por esta razão, Jacareí precisa voltar-se com grande interesse para o fomento dessa área fértil e à mão. Será uma das formas mais prazerosas de lutar contra a crise. E com resultados comprovadamente certos.

É a nossa opinião.

Publicidade
Compartilhe

Relacionadas
Comentários (0)

ATENÇÃO!

Os comentários publicados neste espaço são de responsabilidade de seus autores e não expressam
necessariamente a opinião do Diário de Jacareí


Por favor, faça o login antes de comentar

22 AGO
Publicidade
Notícias

Blogs
08/04/2017
A Prefeitura voltou a permitir o estacionamento rotativo pago, das 9h às 16h, na rua Barão de Jacareí. Vc concorda com a medida?
  • 46.1%
  • 40.7%
  • 7%
  • 6.2%
06/02/2017
Qual a sua opinião sobre a qualidade do serviços prestados pelo SAAE em Jacareí?
  • 34.1%
  • 31.9%
  • 24.1%
  • 9.9%
Logos e Certificações: