Publicidade
Segunda-feira, 26 de Junho de 2017 | você está em »principal»Notícias»Editorial
Publicado em 11/11/2016 às 10h27
Quem tem medo de Donald Trump?

A Redação / Diário de Jacareí

A maior vitória do bilionário Donald Trump nas eleições terça-feira (8), nos Estados Unidos foi ele estar sintonizado com o que pensa a maioria do eleitorado e perceber a direção para a qual caminha a sociedade do chamado mundo livre. Trump – demonstra seu discurso moderado depois de eleito – exagerou na falácia de campanha. Buscou, já se percebe, atrair a atenção dos descontentes ao dizer verdades doídas de maneira doida. Porém, precisava disso para vencer. Mais de 50% dos votantes mostram desejar coisas semelhantes ao que ele vociferava.

Alexandre Garcia comentou, quinta-feira (10), que sua filha, em visita aos EUA antes da eleição, ouviu de mexicanos lá residentes: “queremos sim um muro fechando a fronteira EUA-México (uma das bobagens do candidato); mais mexicanos por aqui só vai prejudicar a gente”. Portanto, não se trata de discriminação, mas sim de garantir o espaço de trabalho a quem já está por lá. Segundo ela, a juventude norte-americana gosta do falastrão a quem chama de ‘Trumpy (Trumpinho)’, uma espécie do que significou ‘Lulinha’ para o Brasil no século passado. Portanto, se você está com medo, relaxe. Trump, candidato, ‘fez tipo’, como o faz há séculos grande parte dos políticos que lê Maquiavel.

O momento brasileiro a viver insegurança, corrupção, serviço de saúde precário, desemprego e incerteza de um futuro tranquilo, equivale a um problema bem maior do que significaria meia-dúzia de ‘personagens-trumps’ agindo em conjunto. Exagero?! Há muito o Brasil clama por “um muro”, não para impedir entrada de imigrantes, mas para desmotivar a saída de valores humanos para o exterior, brasileiros gabaritados em busca de sobreviver, simplesmente. (E que dizer da ‘saída’ de valores monetários?) Jacareí não está fora disso. Qual a família que não tem um parente em busca de sobrevivência fora do município ou do país?

Por isto, as campanhas eleitorais nas cidades batem nas teclas do aproveitamento de valores locais com a criação de empregos e participação nos quadros do governo municipal. O eleitor vota no estreante e, escaldado, reza para dar certo, embora o comum seja não dar. Resta, entretanto, ter esperança. Nem sempre por otimismo, e sim por falta de opção.

É a nossa opinião.

Publicidade
Compartilhe

Relacionadas
Comentários (0)

ATENÇÃO!

Os comentários publicados neste espaço são de responsabilidade de seus autores e não expressam
necessariamente a opinião do Diário de Jacareí


Por favor, faça o login antes de comentar

26 JUN
Publicidade
Notícias

Blogs
08/04/2017
A Prefeitura voltou a permitir o estacionamento rotativo pago, das 9h às 16h, na rua Barão de Jacareí. Vc concorda com a medida?
  • 46.1%
  • 40.7%
  • 7%
  • 6.2%
06/02/2017
Qual a sua opinião sobre a qualidade do serviços prestados pelo SAAE em Jacareí?
  • 34.1%
  • 31.9%
  • 24.1%
  • 9.9%
Logos e Certificações: