Quinta-feira, 19 de Julho de 2018 | você está em »principal»Notícias»Editorial
Publicado em 02/03/2018 às 16h50
Chumbo trocado não dói
A Redação / Diário de Jacareí

Para a imprensa comprometida com os interesses de uma comunidade, o que vale é a verdade divulgada pelas notícias; para certa imprensa conhecida como ‘frívola’ o que interessa não é a verdade e sim a notícia. Por isto, o jornalismo sério, competente e comprometido com o leitor tem o dever de alimentar-se em fontes seguras e procedimentos tais que garantam a veracidade da informação. Um conceito básico, mas amplamente desprezado pelo chamado ‘noticiário de aluguel’.

Jamais foi tão fácil como hoje você falar, escrever ou estabelecer qualquer tipo de comunicação imediata com pessoas ou com os poderes constituídos de sua comunidade. O problema é que, também, nunca como agora foi tão fácil qualquer de nós ser enganado com informações maldosas, destruidoras que surgem mascaradas de verdadeiras: as chamadas fake news, viralizadas pela internet, produzidas por ‘pistoleiros da notícia’, das quais a imprensa frívola alimenta-se gulosamente.

Por isto, é com otimismo que pudemos constatar que a TV Câmara de Jacareí vai ter uma legislação atualizada, com regimento interno para seu funcionamento e a criação do Conselho de Comunicação que não deverá permitir, esperamos, a utilização da emissora para interesses particulares internos ou externos. Primeiro passo nessa direção foi dado na sessão legislativa de quarta-feira (28), com a revogação, por unanimidade dos vereadores, da lei que criou em 2011 o ‘Conselho de Comunicação Social’ da TV Câmara de Jacareí (lei atualmente obsoleta por causa da transmissão da TV também em canal aberto), e que na prática nunca funcionou.

O Legislativo, é bom lembrar, tem uma responsabilidade ainda maior em manter um relacionamento eficaz com a comunidade: fiscalizar, inibindo abusos, o conteúdo produzido pela TV e aliar-se a outros meios de comunicação comprometidos com imparcialidade e divulgação do que é verdadeiro e de interesse comum de Jacareí.

Parte das redes eletrônicas transformou-se em mecanismo social danoso e destruidor como nunca se viu. E elas continuarão agindo até nos gabinetes. Vai ser preciso ‘mão pesada’ para impedir os ataques pela internet que no mundo todo espalham, em segundos, notícias danosas como sendo verdadeiras. Bani-las será ‘chumbo trocado’; não dói.

É a nossa opinião.

Publicidade
Relacionadas
Comentários (0)

ATENÇÃO!

Os comentários publicados neste espaço são de responsabilidade de seus autores e não expressam
necessariamente a opinião do Diário de Jacareí


Por favor, faça o login antes de comentar

19 JUL
Publicidade
Notícias

Blogs
08/04/2017
A Prefeitura voltou a permitir o estacionamento rotativo pago, das 9h às 16h, na rua Barão de Jacareí. Vc concorda com a medida?
  • 46.1%
  • 40.7%
  • 7%
  • 6.2%
06/02/2017
Qual a sua opinião sobre a qualidade do serviços prestados pelo SAAE em Jacareí?
  • 34.1%
  • 31.9%
  • 24.1%
  • 9.9%
Publicidade
Publicidade
Logos e Certificações: