Quinta-feira, 19 de Julho de 2018 | você está em »principal»Notícias»Geral
Publicado em 09/03/2018 às 15h22
Deputado federal Flavinho diz que poderá deixar o PSB em abril
A Redação / Diário de Jacareí
Câmara dos Deputados
Câmara dos Deputados
O deputado federal Flávio Augusto da Silva, o Flavinho (PSB)

O deputado federal Flávio Augusto da Silva, o Flavinho (PSB), anunciou que poderá deixar o PSB até o início de abril.  No dia 6 do próximo mês termina a ‘janela’ através da qual a Justiça Eleitoral permite ao político no espaço de um mês a troca de partido, desde que devidamente justificada. O período foi iniciado na última quarta-feira (7).

O parlamentar foi o entrevistado do Jornal Piratininga (Rádio Piratininga AM 750), desta sexta-feira (9), apresentado pelo jornalista Angelo Ananias.

Durante cerca de trinta minutos, Flavinho fez um balanço de suas atividades na Câmara dos Deputados e do trabalho que desenvolveu até aqui em seu primeiro mandato parlamentar. “Em Jacareí, por exemplo, conseguimos atender o Hospital São Francisco com uma emenda da ordem de R$ 2 milhões, recursos utilizados para a aquisição de equipamentos para a instituição”, informou.

Residente em São José dos Campos há cerca de nove anos, mas nascido em Guaratinguetá, e ligado à Comunidade Canção Nova de Cachoeira Paulista onde iniciou suas atividades na igreja católica, Flavinho foi eleito em 2014 pela primeira vez com 90.437 votos, 1.659 dos quais somente em Jacareí.

SAÍDA - O parlamentar explicou que mudanças ideológicas que o PSB - Partido Socialista Brasileiro - vem tendo nos últimos anos justificam a sua decisão de deixar o partido. “Fui levado ao PSB pelas mãos de Eduardo Campos e Márcio França. Desde então, eu tinha total liberdade para defender o que sempre defendi. Hoje, infelizmente, com a morte de Eduardo Campos, já não me sinto mais a vontade para continuar, apenas por uma questão programática e ideológica”, explicou.

Durante a semana, o PSB anunciou que Tathiane Araújo, 37 anos, é a primeira mulher trans a integrar a Executiva Nacional do partido, depois de ser eleita secretária nacional LGBT. Ela foi escolhida no último fim de semana, durante o 14º Congresso Nacional do PSB.

Ao comentar o assunto, durante entrevista à Rádio Piratininga, Flavinho disse que respeitava todos os segmentos da sociedade e que defendem bandeiras totalmente contrárias à sua, mas afirmou que não abre mão de suas convicções “e que me fazem pensar em minha permanência no PSB”, finalizou.

Publicidade
Relacionadas
Comentários (0)

ATENÇÃO!

Os comentários publicados neste espaço são de responsabilidade de seus autores e não expressam
necessariamente a opinião do Diário de Jacareí


Por favor, faça o login antes de comentar

19 JUL
Publicidade
Notícias

Blogs
08/04/2017
A Prefeitura voltou a permitir o estacionamento rotativo pago, das 9h às 16h, na rua Barão de Jacareí. Vc concorda com a medida?
  • 46.1%
  • 40.7%
  • 7%
  • 6.2%
06/02/2017
Qual a sua opinião sobre a qualidade do serviços prestados pelo SAAE em Jacareí?
  • 34.1%
  • 31.9%
  • 24.1%
  • 9.9%
Publicidade
Publicidade
Logos e Certificações: